Arquivos

Posts Tagged ‘linux’

Atualizando para Fedora 8 sem DVD

novembro 21, 2007 3 comentários

Recentemente, atualizei o meu Fedora 7 Moonshine para o Fedora 8 e fiz a atualização via imagem .iso que baixei, sem necessidade de gravar uma mídia. Esse roteiro não é nem um pouco original e serve para instalar/atualizar qualquer distribuição Linux a partir de uma imagem .iso. Só será necessário que você já tenha um sistema *nix instalado no computador e o gerenciador de boot GRUB configurado.

Leia e faça cada um dos passo com atenção, copiar e colar não vai dar certo ;D

Após ter feito o download da imagem .iso da distribuição, será necessário montá-la para que o Grub reconheça o formato:

#mkdir /mtn/isoimage
Cria a pasta para guardar a imagem .iso na pasta /mnt. Poderia ser qualquer outro local mas eu prefiro no /mnt

# mount -t iso9660 /coloque o caminho para a/imagem/image.iso /mnt/isoimage/ -o loop
Monta a imagem com o formato iso 9660 – formato de CDs e DVDs especificando onde ela está e usando o loop device, um espaço temporário de montagem para guardar a imagem

#cd /mnt/isoimage
No coments né? :D

Dentro da pasta /mtn/isoimage que criamos antes, certamente teremos a pasta isolinux, que é a imagem da distribuição montada e pronta para ser utilizada.

Copie agora a pasta para o local de instalação, no meu caso, eu copiei ela para uma nova pasta que criei, pois devo informar o caminho completo para a mesma via linha de comando quando for instalar. Seria muito trabalhoso ter que informar um caminho gigante.

#mkdir /tempo

Essa foi a pasta que criei temporariamente para a instalação.

# cp -R isolinux /pasta/que você vai guardar a iso/

Esse comando tem que ser feito dentro da pasta /mnt/isoimage, para que copie todas as pastas recursivamente para o caminho indicado.

Agora desmonte a imagem e apague a pasta:

#umount /mnt/isoimage

#rm -rf /mnt/isoimage

Precisamos copiar a imagem “cru” que baixamos para a mesma pasta onde guardamo a isolinux. Isso para que seja feita a instalação corretamente, a isolinux vai servir para dar o boot e o restante são os arquivos da própria distribuição.

#cp /pasta/onde/tem/a iso original que foi baixada.iso /local/onde/você/guardou/a isolinux

Aguarde..

Depois da cópia, só necessário configurar o grub para que ele encontre a isolinux e dê o boot a partir dela. Adicione essa linha no /etc/grub.conf de acordo com sua partição, vou colocar a minha de exemplo:

title Instalar Fedora 8

root (hd0,0)

Especifique qual partição se encontra a imagem, no meu caso, está na partição 1 do disco master, só tenho 1 HD

kernel /tempo/isolinux/vmlinuz root=LABEL=/

Eu coloquei a isolinux na pasta que eu criei lá atrás, a tempo. Coloque aqui a pasta que você guardou a isolinux junto da iso original

initrd /tempo/isolinux/initrd.img

Aqui é a mesma coisa, somente temos que informar a initrd, que está dentro da pasta isolinux.

Essa foi as linhas que adicionei no final do grub.conf. O resultado final deve conter ainda a linha que informa sua instalação Linux anterior e o caminho para a instalação.

Reinicie o micro e na tela do Grub, já deve aparecer a entrada “Instalar Fedora 8″. Caso não apareça ou uma mensagem de erro apareça informando que não é possível encontrar boot partition, verifique novamente se você inseriu corretamente as informações no grub.conf, o mais comum é errar a partição a ser usada. Confira esta lista:

/dev/sda1——————————–hd0,0 (meu HD é SATA e é master, então tenho que colocar no grub hd0,0

/dev/sda2——————————–hd0,1
/dev/sda3——————————–hd0,2
/dev/sda4——————————–hd0,3
/dev/sda5——————————–hd0,4

/dev/sdb1——————————–hd1,0
/dev/sdb2——————————–hd1,1
/dev/sdb3——————————–hd1,2

Inicie por ela e siga mais estes passos:

  1. Selecione o idioma
  2. Selecione o layout do teclado
  3. Escolha a opção “Instalação via Disco Rígido”
  4. Informe o caminho para a pasta que contém a imagem:

No meu caso é: /tempo/

Só prosseguir com a instalação normalmente. Não sei, mas aqui demorou bem mais para atualizar do que para instalar do zero viu.. a única vantagem é manter os programas e configurações anteriores e obter novos recursos. Essa foi a primeira vez que atualizei o Fedora, então pode ser que não esteja apto a falar sobre isso.

Boa sorte na atualização! Qualquer erro, comentem please, primeira vez que posto um mini how to, então, posso ter “comido” algumas partes ^^


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Mandriva realiza Install Fest mundial

Para comemorar o lançamento do Mandriva Linux 2008, a Mandriva estará realizando em vários países e no mesmo dia, Install Fest desta nova versão. Não é a primeira vez que a empresa realiza Install Fest de sua distribuição Linux, no ano passado tivemos o Install Fest da versão 2007 e no ano de 2005, a instalação da versão 2006 (época que a empresa se chamava Mandriva Conectiva ainda).

O evento Install Fest é um encontro organizado por um grupo de usuários, comunidade ou empresas para instalação de uma distribuição Linux nos computadores dos visitantes do evento. Para isso, é necessário levar apenas a CPU e alguns periféricos de uso casual para configuração extra (impressoras, scanners e teclados que não sejam do formato ABNT2, por exemplo).
Este tipo de evento tem crescido bastante no Brasil, devido à crescente onda de distribuições “amigáveis” de fácil acesso, como Ubuntu, Mandriva, Fedora (eu considero todas amigáveis, por isso as aspas).

Além da instalação, é possível também tirar quaisquer dúvidas referentes ao programa a ser instalado e sobre o Linux em geral. Mesmo que você não vá instalar a distribuição, pode participar tirando dúvidas dos novatos ou até mesmo perguntando aos “mais experientes”.

Uma dica: Efetue backup de todas suas informações (ainda mais se você for utilizar em dual-boot) e leia as condições da instalação. O serviço do Install Fest é referente apenas à instalação e não à manutenção ou correção de problemas posteriores à instalação.

Confira aqui quais cidades participarão do Install Fest do Mandriva Linux One 2008

Gostaria muito de comparecer ao Install Fest em São José dos Campos mas irei trabalhar no dia, então, não será possível eu comentar sobre o assunto. Avisando que no dia 27 de novembro, em Jacareí, iremos realizar Install Fest do Ubuntu 7.10. Em breve darei mais detalhes sobre o pequeno evento que vamos realizar.


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Conisli 2007 superou o evento de 2006 – Parte II

novembro 17, 2007 2 comentários

Logo após o almoço, as atividades principais do evento, as palestras, foram retomadas. Me atrasei um pouco devido à falta de conhecimento sobre o local, eu não sabia onde havia restaurantes para almoçar, até que um segurança me orientou.

PenTest – Técnicas de Ataque e Defesa

Palestrante: Cleber Souza Brandão

O nome da palestra me chamou a atenção e da grande maioria, foi uma das palestras que mais encheu. Cheguei um pouco atrasado mas consegui pegar ainda um pouco a palestra. Cleber mostrou como alguns softwares podem ser usados para ataques, como o Nassus, Meta Sploit, John The Ripper entre outros. Muito do que foi dito, acredito que já era de conhecimento geral da platéia, o que não chegou a empolgar mas também não tirou a atenção da maioria. E as dicas de defesa foram longe do esperado. Enfim, a palestra não atingiu minhas expectativas.

Joomla! Um CMS flexível e poderoso

Palestrantes: Júlio Pontes e Márcio Okabe

Nesta palestra eu esperava ver exemplos de como utilizar o Joomla! já que ultimamente ele ultrapassou o Mambo (do qual ele é, digamos, “derivado”) e conquista muitos usuários, apesar de estar na versão 1.0.13 (já existe a versão 1.5 mas está no RC 3 ainda). Márcio Okabe soube anunciar seu produto e defender o mesmo com muita firmeza, diferente de seu colega Júlio Pontes, que demonstrava nitidamente inexperiência com palestras e muito nervosismo. As extensões do Joomla! são os atrativos e existem alguns em pt_BR, o que facilita muito a integração para os não ambientados na língua inglesa. Faltou mais demonstrativos e estudos de caso mas o tempo não permitiu também.

Virtualização: Como virtualizar servidores Linux e reduzir custos na infra-estrutura de servidores

Palestrante: Marco Sinhoreli

Palestra do patrocinador também, desta vez a Utah NetWorxs. Apresentando o SuSe Enterprise Linux como base e o Xen como ferramenta de virtualização, Marco (que é funcionário da Novell) traçou como é o funcionamento do Xen em especial no SuSe. Mostrou várias máquinas virtuais sendo utilizadas dentro de dois notebooks e ainda rodando Compiz/Beryl. Algo fantástico mesmo, onze máquinas rodando serviços diferentes. Foi a melhor palestra e demonstração de Xen que já vi, ano passado no Conisli mesmo, vi outra palestra só que não foi tão interessante assim.

No final da palestra, Marco fez uma pergunta que valeria um DVD do SuSe Enterprise Linux 10 Desktop e Server para quem acertasse. Eu não poderia errar:

- O SuSe foi a primeira distribuição Linux a suportar 7 arquiteturas de processadores. Quais são elas?

Prontamente eu levantei a mão, meu colega Sinval e mais 2 pessoas da platéia.

Marco então apontou e disse para mim: “você vai dizer agora então.”

E então comecei:

- x86, x64, SPARC, PowerPC..

Sinval falou pra mim: “ALPHA”.

- Alpha! Peraí qeu tá lembrando…

E eu não conseguia lembrar as restantes! E então Marco declarou: “quem falar mais uma arquitetura, leva o prêmio!”

Só piorou eu fiquei mais ansioso e nada vinha na minha cabeça até que…

- Mainframes?

- Certo! Vem cá receber seu prêmio!

Não, não fui eu. Um cara no fundo disse. Eu queria matar o cara, não acredito que após ter tido quase todos eu perdi. Mas tudo bem, valeu a palestra!

Web Design com Software Livre

Palestrante: Eduardo Ferreira dos Santos

Enfim a palestra que eu estava esperando antes do evento.O palestrante é professor de Web Design na Microcamp e trabalha bastante o desenvolvimento dos alunos, para que atinjam um nível bom de designer para aí sim, mostrarem seus trabalhos na web. Eu esperava uma palestra mostrando aplicações, exemplos, comparativos e como tornar viável o desenvolvimento web com ferramentas de software livre. Mas não foi isso que eu assisti. O que assisti foram contos da profissão, ensinar o conceito e “não associar a criação à ferramenta”, algo que eu vi na palestra sobre Inclusão Digital. Bom, tudo bem, eu posso ter me enganado e imaginado outra coias, mas não foi o que eu esperava.

Fim de evento, é hora de ir para casa. Não ganhei nenhum sorteio mas o que valeu foi que aprendi ainda mais sobre Software Livre.

Agradeço muito à Rodolfo e ao Rafael, por trabalharem na realização do evento e por concederem credenciais pra mim e para o Sinval. Sem vocês, estaríamos perdidos! Muito obrigado!

Parabéns à todos que ajudaram, compareceram, enfim, de alguma forma estiveram ligados aos 3 dias do Conisli 2007! Até o ano que vem!


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Conisli 2007 superou o evento de 2006 – Parte I

Olá!
Depois de muito cansaço, estou de volta do Conisli. Foram 3 dias de evento e eu apenas pude ir 1 dia (sábado) mas aproveitei de verdade todas as palestras!
O evento começou no horário previsto, às 9 horas da manhã. Tirando alguns probleminhas iniciais (alguns dos mini cursos que seriam dados no dia, foram alterados por problemas com os instrutores) consegui pegar minha credencial e entrar no evento.

O local foi bem organizado, com uma tenda na área livre da Universidade Cidade de São Paulo, famosa Unicid, campus da estação Carrão (não sei se tem outra, não sou de SP mesmo ehehe). O que me decepcionou um pouco, como no ano passado também, foi a pouca quantidade de standes. Faltou algum stande vendendo camisetas sobre software livre.

Utilizando o 1º andar e o Auditório (este ficava no outro bloco da Universidade, bastava atravessar a rua) foi suficiente para ministrar as palestras e falar MUITO sobre Software Livre. Alguns comentários sobre as palestras que assisti:

Desenvolvimento rápido de sistemas Web com Script Case

Palestrante: Arlindo da Script Case

Palestra do patrocinador, a Script Case tinha um próprio stand no evento. Eu não conheci este sistema e achei incrível. Muitas features para desenvolvedores. Até eu que não sou desenvolvedor achei fácil criar sistemas com ele. Utilizando de uma interface gráfica (tudo em português), você pode criar vários sistemas Web baseados em bancos de dados (MySQL, PostgreSQL, Oracle, DB2 entre outros) que o Script Case transforma tudo em código PHP e JavaScript automaticamente e retorna para você o resultado, podendo até ser modificado o layout com edição do CSS e HTML. O único problema é a licença dele: proprietária. Era bom demais para ser verdade, não anotei o nome completo do palestrante – é Arlindo, falha minha.

Telecentros como Ferramenta para a Inclusão Digital
Palestrante: Claudionor Buzzo Raymundo

Como instrutor de informática de pessoas excluídas digitalmente, eu não poderia perder esta palestra. Mostrando fatos e números, Claudionor mostrou como a informática é algo inatingível para algumas pessoas. “Inclusão digital é diferente de disponibilizar equipamentos tecnológicos” e “Medidas compensatórias apenas mantém o nível sustentável da pessoa” foram algumas das frases célebres desta palestra.
Em determinado momento a palestra se focou apenas nas perguntas dos congressistas, que insistiam em desviar um pouco o foco da palestra. Algo totalmente aceitável em um assunto que está tão em alta ultimamente. OLPC e Classmate entraram na briga e foi bem interessante a discussão. Pena que o tempo foi curto.

Software Livre e Propriedade Intelectual
Palestrante: Rubens Queiroz de Almeida, criador do Dicas-L

Novamente, Rubens aparece no Conisli. Ano passado assisti à palestra dele sobre “Filosofia Unix” adorei e decidi ver a palestra dele deste ano. O foco da palestra foi diferente, mas os slides da apresentação me pareciam os mesmos do ano passado! Poderia variar mais…
Frases proféticas de Stallman, citações aos livros do mesmo e como a “indústria de patentes de software” está manipulando o processo criativo foram alguns pontos fortes da palestra. Como sempre, Rubens não conseguiu apresentar tudo e a palestra terminou na metade. Mas tudo bem, foi uma boa palestra.

Meio-dia começa o horário de almoço e então nada de palestras.
Em seguida, a parte II, as palestras que assisti depois do almoço.


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Conisli 2007 chegando

Neste próximo final de semana (começando na sexta), será realizado o Congresso Internacional de Software Livre, ou Conisli em São Paulo.
Este evento trará palestras, mini-cursos (R$20,00 por 4 horas de curso, mas tudo bem) e encontros de algumas comunidades de usuários de determinados softwares. Participei do ano passado gratuitamente graças à Lumiar Tecnologia e meus colegas de trabalho (Sinval, Rafael e Rodolfo) e pude conferir que se trata de um ótimo evento, que atrai várias “autoridades” no assunto para debates e troca de idéias.

Ano passado contou com várias garotas, algo que me surpreendeu, difícil encontrar algumas garotas “linhas de comando”.
Irei apenas no sábado, gostaria de ir todos os dias mas não será possível este ano. Segue aqui a grade das palestras do sábado: Ver Grade

Interessante não? Uma que não quero perder é Webdesign com Software Livre, algo que sou muito inexperiente ainda.

Farei a cobertura do acontecido do evento aqui no blog, nem que seja algumas informações sobre o evento.


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Ajude a divulgar a lista de equipamentos e serviços compatíveis com Linux

Estou participando da promoção da Br-linux e vou colaborar com o texto à seguir:

Ajude a divulgar a lista brasileira de equipamentos e serviços compatíveis com Linux
…e concorra a MP4 e MP3 players, mochilas Targus, períodos de VoIP grátis e até a ventiladores USB – além de contribuir automaticamente para doações para a Wikipedia e o WordPress! O BR-Linux coletou mais de 12.000 registros de compatibilidade de equipamentos e serviços (webcams, scanners, notebooks, …) na sua Pesquisa Nacional de Compatibilidade 2007, e agora convida a comunidade a ajudar a divulgar o resultado. Veja as regras da promoção no BR-Linux e ajude a divulgar – quanto mais divulgação, maior será a doação do BR-Linux à Wikipedia e ao WordPress.

Tanto para a Wikipedia como para o WordPress o prêmio será muito bem-vindo, vamos ajudar a divulgar!!

Email para contato: suporte.anacleto@gmail.com


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Computador não é eletrodoméstico! Pt II

Bem, como eu tinha postado anteriormente, comprar computadores em lojas de varejo não é uma boa opção para quem tem dinheiro e/ou é geek.

Pois é, eu não tenho dinheiro então tive que apelar para estas lojas, em questão a loja ExtraEletro.

Depois de muita enrolação do atendente não saber me informar as coisas exatamente, voltei no dia seguinte para finalizar a compra (pesquisei tudo o que queria no Óraculo) . Finalizando a compra e criando aquela porcaria de cartão ExtraEletro, a moça me avisa que não vou poder pagar nas 12x propostas pela propaganda.

Pela sua renda, não é possível fazer um pagamento dessa forma – ela disse.

Fala sério!! Depois de tanto tormento eu ainda não posso pagar da forma que quero! Tive que pagar pelo cartão de crédito do meu pai e parcelar em 6x. Doeu o bolso legal R$200,00 na lata + Páscoa com a namorada = pobre pra caralho. Bom pra aprender que eu preciso de outro emprego. =/

Outro dia faço um review do Mandriva 2007 Powerpack. Estou com dó de tirar ele, então vou fazer o review e daí sim troco pelo Slack/Fedora. Amanhã tenho que ir pro Museu do Computador em SP, nem queria $$$ mas fazer o que, estou indo à trabalho ainda. Disseram que vão me reembolsar depois, quero só ver.

Free hugs for all! \o/


Digg it! Compartilhar no Del.icio.us Adicionar ao Live Favorites Compartilhar no Google Bookmarks Compartilhar no Reddit Compartilhar no Ma.gnolia Compartilhar no Facebook Compartilhar no Technorati Compartilhar no Yahoo MyWeb Stumble It! Compartilhar no rec 6 jump, conteúdo grátis!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.